segunda-feira, 2 de junho de 2014

Coletivo resgata importância de brincar na rua

Empinar pipa, pular corda, brincar de amarelinha, subir na gangorra, jogar futebol ou plantar bananeira na terra.

Uma exposição virtual e interativa realizada pelo grupo Ludi.Cidade tem como maior atração as brincadeiras feitas pelas crianças para alegrar e colorir os espaços abertos e públicos da cidade.

Esse é o mote da campanha Brinque. Cidade, promovida como uma maneira de dialogar com a Semana Mundial do Brincar, realizada em vários municípios brasileiros até o dia 31/5. A ação propõe que sejam enviadas para a página do grupo no Facebook fotografias de crianças aproveitando o tempo livre em praças, parques ou qualquer espaço público onde elas possam brincar à vontade.

“O direito ao brincar é uma das nossas bandeiras. Tenho sempre presente essa preocupação com a cultura da infância”, afirma Jamille Fortunatto, integrante do Ludi.Cidade.

Poesia nas ruas

A soteropolitana Jamille escreve poesia com trocadilhos – os ‘poemadilhos’ – e sempre teve a intenção de espalhar seu trabalho pelas ruas de Campo Grande (MS), cidade onde trabalha. Lá, montou a exposição Neste Campo Grande Cabe Poesia, baseada na arte de rua, onde pôde levar aos visitantes seus conhecimentos em técnicas de lambe-lambe, estêncil e grafite. Além disso, propôs debates sobre intervenções urbanas e ações diretas nas ruas.

Desta experiência surgiu o grupo Ludi.Cidade, que estimula ideias criativas que transformam a rotina de um lugar. Uma das primeiras ações foi pintar pedras de diversas cores e colocá-las ao redor de árvores. “Queremos espalhar ações poéticas pelas ruas”, revela Jamille. O Post Art – arte no poste, por exemplo, decorou os acinzentados postes de energia.

Em Corumbá, Jamille ajudou crianças a carimbar saquinhos de pipoca e algodão doce com seus ‘poemadilhos’. “Os frequentadores da praça comeram pipocas com poema. Foi um sucesso.” O grupo também exerce atividades ligadas a jardinagem e permacultura, promovendo “ações duradouras que trazem benefícios para a comunidade”, segundo Jamille.

Intercâmbio

“Muitas pessoas usam a rua apenas para andar de carro. Em Campo Grande há muitas praças vazias, sem vida, abandonadas. Queremos utilizar esses espaços”, pontua. “Nosso objetivo é transformar o caminho que a pessoa faz todo dia para ir ao trabalho. De repente ela percebe que, no meio do trajeto, tem uma poesia no cantinho, descontruindo a rotina e colocando um pouco de arte no cotidiano. São ações discretas e pequenas que vão alcançando as pessoas aos poucos.”

Jamille ainda ressalta que a plataforma funciona como um intercâmbio de ideias. “Não queremos expor somente o que pensamos. Também queremos atrair outras propostas, novos conceitos, trabalhando para eles se concretizarem em vários locais”, garante. Um dos próximos projetos do grupo será espalhar balanços de pneu pela cidade.

Semana Mundial do Brincar

A Semana Mundial do Brincar ocorre de 25 a 31/5 em inúmeras cidades de nove estados brasileiros. O evento tem o objetivo de ressaltar a importância da cultura infantil e a realização de brincadeiras nessa fase da vida para o seu desenvolvimento pleno. Clique aqui para conferir a programação completa.



CEPRO – Um Projeto de Cidadania, Educação e Cultura em Rio das Ostras.
Alameda Casimiro de Abreu, 292, Bairro Nova Esperança - centro
Rio das Ostras
Tel.: (22) 2771-8256 e Cel.:(22)9966-9436
E-mail: cepro.rj@gmail.com  
Twitter: http://www.twitter.com/CEPRO_RJ

Nenhum comentário: